13

mai

Fundação continua entregas da campanha emergencial

Fundação continua entregas da campanha emergencial

Cartões-benefício, kits de higiene e cestas básicas foram entregues às famílias da comunidade na segunda fase da campanha emergencial de combate aos impactos do Coronavírus.

A segunda fase de entregas, que abrangeu o período de 1 de abril a 8 de maio, trouxe resultados significativos para o auxílio das famílias beneficiadas pela Fundação Julita e também para o território do Jardim São Luís e entorno. 

O cartão-benefício 

Nesta segunda fase de contribuição à comunidade, a Fundação Julita iniciou a entrega de cartões de benefício no valor de R$ 215,00 para as famílias mapeadas como de maior necessidade por estarem em alta vulnerabilidade social. Neste sentido, as famílias vão receber crédito no cartão-benefício mensalmente durante o período de 4 meses, podendo comprar itens de primeira necessidade (alimentação, higiene, limpeza, remédios e gás de cozinha).

Segundo o gestor geral da Fundação Julita, Jânio de Oliveira, a proposta do projeto emergencial frente ao Coronavírus nasceu de forma coletiva, envolvendo todos os coordenadores e gestores da Fundação, a fim de oferecer um apoio mais abrangente às famílias durante a crise da pandemia:

“Refletimos como as famílias vão sobreviver neste período e após tudo isso passar também. Para além da cesta de alimentos, pretendemos olhar para a situação de uma forma mais ampla, pois as famílias podem ter necessidades particulares para além do alimento. Também pretendemos conscientizar as famílias que o benefício não será para sempre, que é preciso tomar providências”, conclui Jânio de Oliveira.

Fortalecimento da economia local

Este olhar de forma mais ampla inclui também o fortalecimento do comércio local. A recomendação da equipe da Fundação Julita é que as famílias utilizem o cartão-benefício prioritariamente em padarias, mercadinhos, farmácias, hortifrútis, distribuidoras de gás do seu bairro.

“Se as pessoas comprarem no território essa atitude vai movimentar a economia local e daí, em um segundo momento, a perspectiva é que isso gere emprego e renda no próprio território. É uma lógica que pode contribuir para diminuir a vulnerabilidade social dos moradores da comunidade, que muitas vezes é provocada pela vulnerabilidade econômica”, analisa Fabio Meirelles, gerente financeiro da Fundação Julita.

Critérios de escolha das famílias beneficiadas

Entre os critérios para a escolha das famílias beneficiadas pelo projeto emergencial estão:

- Ter renda zero ou quase zero;

- Famílias inseridas nos programas da Fundação Julita ou serviço da política de assistência social;

- Famílias que a fonte de renda advém de trabalho autônomo ou informal;

- Mulheres provedoras dos lares;

- Famílias que não tem imóvel próprio;

- Famílias beneficiadas pelo programa de transferência de renda e/ou que são acompanhadas pelo conselho tutelar ou Vara da Infância; crianças vítimas de violência, abandono ou negligência.

Acompanhamento periódico

A recarga do cartão será feita mensalmente e a equipe da Fundação Julita realizará um acompanhamento mensal das famílias via telefone ou celular, a fim de verificar o uso do recurso e as condições e as necessidades de cada família. A proposta também propõe um acompanhamento individualizado das 300 famílias beneficiadas, a fim de promover atividades socioeducativas visando o desenvolvimento da autonomia e uso consciente dos recursos, articulação com políticas públicas e avaliação dos impactos na vida dessas famílias.

Outros apoios comunitários

Além da entrega dos cartões, no período (de 1 de abril a 8 de maio), também realizamos entregas de cestas para as famílias dos beneficiados dos programas da Fundação Julita e também de moradores da comunidade, mapeados em alto risco social, além das entregas de kits de Páscoa (composto por chocolates, alfaces, sabonetes, álcool em gel e ovo de chocolate). Neste sentido, também estendemos os benefícios aos alunos do Cursinho pré-vestibular Popular Livre da Sul  realizado aos finais de semana no espaço da Fundação.

A Fundação Julita continua realizando parcerias com empresas, escolas, institutos e organizações do entorno para expandir o apoio comunitário neste momento do Coronavírus.

Também está em andamento a campanha de arrecadação dentro do movimento Família apoia Família para que possamos arrecadar recursos e manter a meta de apoiar as 300 famílias mapeadas por 4 meses.

“Estamos na luta para arrecadarmos recursos e ampliarmos o benefício para mais famílias e também por mais tempo, pois imaginamos que os impactos da Covid-19 devam repercutir por vários meses, sendo ainda mais severos em se tratando de famílias que já estavam em vulnerabilidade”, finaliza Jânio de Oliveira.

Nossos parceiros nas ações da Campanha

As doações via cartão-benefício contaram com o apoio de pessoas físicas e das organizações, Instituto ACP e Instituto Credit Suisse Hedging-Griffo, além da parceria com a empresa Up Brasil, que forneceu a possibilidade de cartão -benefício Up Renda Cidadã.

Vários apoiadores também contribuíram com doações de alimentos, que serviram de complemento para as cestas básicas, além de produtos de higiene pessoais e chocolates. Foram eles: 

Colégio Dante Alighieri

Equipe Flávia Pavanelli

Funcionários do Banco do Brasil 

Gastronomia Periférica

Irmãos Avelino 

Operação Vida - Pedro Lopes

SESC- Mesa Brasi 

Compartilhe

Fale Conosco

Quer fazer uma doação, saber mais sobre a Fundação Julita ou ser um parceiro? Entre em contato conosco, teremos o maior prazer em te atender!

Entrar em contato