03

mar

“Comunidade em Movimento” amplia ações com renovação de parceria

“Comunidade em Movimento” amplia ações com renovação de parceria

"O Projeto Comunidade em Movimento me deu a oportunidade de começar a fazer a faculdade e me proporcionou um preparo para ser uma aluna com um diferencial, por conta de todo o aprendizado que tive dentro da Fundação".

 Essas foram as palavras da Jennifer Faquini, 17 anos, uma das jovens beneficiadas pelo projeto que, por mais um ano, conta com o apoio da Fundación MAPFRE.

Iniciado em 2017, o “Comunidade em Movimento” é um desdobramento do projeto “Jovens Monitores em Esporte”, que tem como foco a qualificação profissional de jovens para o esporte educacional e beneficia 2.021 crianças, adolescentes, jovens e idosos por meio de atividades esportivas e recreativas. O objetivo do Projeto é incentivar que o jovem esteja nos espaços acadêmicos e subsidiar para que possa intervir positivamente no território. O projeto já foi responsável pela entrada de mais de 20 jovens na universidade, a maioria em Educação Física. Desde 2018, a Fundación MAPFRE abraçou o projeto e este ano renovou a parceria. 

Para Regiany Maciel, Coordenadora do Centro de Educação pelo Esporte da Julita, a renovação do projeto, além da bolsa-auxílio que o jovem recebe, possibilitam a inserção, a continuidade e a permanência dos jovens na universidade: "Algumas vezes, mesmo estando no projeto de vida dos jovens entrar na faculdade, isso acaba sendo interrompido pela necessidade deles de se inserirem no mercado de trabalho, muitas vezes por necessidade e pressão da família, implicando em abdicar da continuidade dos estudos".

 Formação continuada

O projeto foi dividido em duas fases, sendo que na primeira os jovens recebem bolsa-auxílio e na segunda fase, formada pelos jovens que já passaram pela primeira, são realizados acompanhamentos até o final da graduação, subsidiando nas dificuldades e auxiliando na busca por estágio remunerado na área da graduação.

Além disso, foi criado o GE (Grupo de Estudos) onde os jovens do projeto se reúnem periodicamente para estudar, pesquisar e discutir temas pertinentes às suas graduações. O grupo também passa por um processo formativo em Educação Popular – com intuito de provocar reflexões, aprofundar e discutir temas candentes da conjuntura político-social, bem como intervir no território por meio de projetos de intervenção. Devido à pandemia, as ações tiveram que ser adaptadas ao ambiente virtual.

Compartilhe

Fale conosco

Quer fazer uma doação, saber mais sobre a Fundação Julita ou ser um parceiro? Entre em contato conosco,teremos o maior prazer em te atender!

CLIQUE AQUI