07

dez

Alunas da Julita recebem incentivo para se tornarem profissionais de Tecnologia

Alunas da Julita recebem incentivo para se tornarem profissionais de Tecnologia

Educandas da Fundação Julita, beneficiadas pelo Programa Paineira (formação para o mercado de trabalho), participaram do workshop #SerMulherEmTech, organizado por Cecília Marshall,

que tem uma carreira consolidada na área de Tecnologia da Informação, com Mestrado em Tecnologia Instrucional na Universidade de Bloomsburg, Pensilvânia, nos Estados Unidos, e é líder de marketing na SAP Brasil.


Com a missão de inspirar meninas a conhecerem e a ingressarem na carreira de Tecnologia da Informação, o #SerMulherEmTech trouxe várias profissionais da área: Greyce Gois; Elisa Andrade; Karin Lorena; Cyntia Delabio; Regina Pistelli; Cristiane Vargas; Bartira; Jaqueline Rodrigues; Tatiana Veneroso; Cecilia Marshall; Regina Acher; Ana Laura e Fany Lupion, conselheira da Fundação Julita, que compartilharam seus conhecimentos e experiências, esclareceram dúvidas e mostraram todo um mundo de possibilidades, que existe dentro desse ramo, quebrando o preconceito de que mulheres não entendem ou não gostam de tecnologia.

Para o gestor geral da Fundação Julita, Jânio de Oliveira, “o #SerMulherEmTech é uma importante oportunidade para as jovens da Fundação Julita, a fim de diminuir a distância entre o universo da tecnologia e as jovens meninas das periferias que têm interesse nessa área. Muito mais que isso, é também inspirá-las com a história de mulheres que quebraram barreiras e se tornaram exemplos de sucesso na profissão”.

 

É PRECISO QUEBRAR TABUS

 Em um mundo em que a tecnologia avança a passos largos, a inclusão de mulheres neste segmento é um grande desafio.

Dados apresentados no evento Por um Planeta 50-50: Mulheres e meninas na ciência e tecnologia, realizado pela Serasa Experian em parceria com a ONU Mulheres, em fevereiro deste ano, mostrou que apenas 17% do total de programadores brasileiros são mulheres.

Por isso, trazer esperança e mostrar para meninas de diversas idades que existem infinitas possibilidades dentro do universo da tecnologia é fundamental.

“O mundo da tecnologia é distante das meninas, isso é uma questão até cultural do Brasil, onde meninas são incentivadas a brincar com bonecas, e meninos com joguinhos. Então, o que queremos é plantar uma semente nessas meninas mostrando que é possível construir uma carreira dentro do mercado de tecnologia. E que, por meio dessa carreira, elas podem viabilizar muitos sonhos, com um emprego bem remunerado e estável. Viemos aqui na Julita mostrar que somos mulheres felizes, mulheres da tecnologia e incentivar para que essas meninas também sejam”, explica Cecília Marshall, idealizadora do #SerMulherEmTech.

#Dica: a Fatec da zona Sul fica localizada no Jardim São Luís e oferece curso gratuito de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, mas as vagas nem sempre são preenchidas.

A Fatec fica no endereço Rua Frederico Grotte, 322 - Jd. São Luís - Telefone: (11)5851-8949 - E-mail: secretaria@fateczonasul.edu.br - Site: www.fateczonasul.edu.br

 

 

Compartilhe

Fale Conosco

Quer fazer uma doação, saber mais sobre a Fundação Julita ou ser um parceiro? Entre em contato conosco, teremos o maior prazer em te atender!

Entrar em contato